Medidor de vazão eletromagnético para água

Proline Promag 10D

444500R$
11-35 Unids.

 


*
  • Instalação e comissionamento simples
  • Elevada precisão e estabilidade de leitura
  • Medição de vazão com boa relação custo-benefício
  • Sem perda de carga, energeticamente econômico
  • Insensível a vibrações

Dados do instrumento

Medição de vazão:

até 10 m/s

Condutividade mínima:

≥ 50 µS/cm

Temperatura do fluído:

até +60 °C

Material do revestimento interno:

Poliamida

Pressão de processo:

até 16 bar


Produto/VersãoPreço/unid. em R$Código
Promag 10D
DN
Alimentação elétrica; display
Revestimento interno1 a 34 a 1011 a 35
DN25 1"85-250VAC; 2-linhas, teclasPoliamida5051,004697,004445,0010D25-3LGA1AA0B4AA+M1
compra
DN50 2"5051,004697,004445,0010D50-3LGA1AA0B4AA+M1
compra
 

Os preços são aplicáveis no Brasil até 31/08/2014, em reais por unidade, valores com todos os impostos inclusos, exceto Substituição Tributária (ST) quando aplicável. Frete grátis.
Condições de venda Endress+Hauser Controle e Automação Ltda.

Aplicação

O promag 10D é um medidor de vazão eletromagnético para medição bidirecional de líquidos condutivos. É particulamente apropriado para aplicações de medição de vazão de água em processos e circuitos auxiliares. Fácil instalação e operação devido ao seu design robusto e baixo custo, este medidor de vazão pode ser usado em aplicações nas quais anteriormente estava limitado.

Aprovações para água potável de acordo com KTW/W270, WRAS BS 6920, ACS e NSF 61.

Funcionamento

Segundo a lei de Faraday da indução magnética, um condutor em movimento num campo magnético sofre uma tensão elétrica induzida. No medidor de vazão eletromagnético o condutor em movimento é o fluído. Através da tensão induzida, pode diretamente determinar-se a velocidade do fluído, calculando-se a vazão volumétrica através da área de secção do tubo.

Exemplo de aplicação

Proline Promag 10D para medição de vazão de entrada

Dados Técnicos

Entrada
  • Range de medição
Tpicamente v = 0.01 a 10 m/s com a precisão especificada
Sinal de saída
  • Saída de corrente
Ativa: 4 a 20 mA, RL < 700 Q (para HART®: > 250 Q)
  • Pulsos/saída de estado
Passivo: 30 VDC/250 mA; Coletor aberto
Alimentação elétrica
  • Tensão de alimentação
85 a 250 VAC, 45 a 65 Hz;

 

  • Consumo elétrico (incl. sensor)
85 a 250 VAC: < 12 VA

 

Precisão de leitura
Condições de operação padrão segundo as normas DIN EN 29104 e VDI/VDE 2641
  • Temperatura do fluido
+28 °C ±2 K
  • Temperatura ambiente
+22 °C ±2 K
Erro máximo de medição
  • Saída de corrente
±0.5 % do valor fim de escala + tipicamente ±5 uA
  • Saída de pulsos

±0.5 % da leitura ±2 mm/s

Repetibilidade
  • Máx. ±0.2% da leitura ±2 mm/s
Trechos retos a montante e jusante
Se possível, instalar o sensor antes de distúrbios tais como válvulas, saídas em T, troços em cotovelo etc.
  • Montante
≥ 5×DN
  • Jusante

≥ 2×DN

 

Condições de operação: Ambiente
  • Temperatura ambiente
-20 a +60 °C
  • Temperatura de armazenamento
-20 a +60 °C
  • Grau de proteção
IP 67 (NEMA 4X) para transmissor e sensor
  • Resistência a pancadas e vibração
Aceleração até 2g seguindo a norma IEC 600 68-2-6
  • Compatibilidade eletromagnética

Segundo IEC/EN 61326 e NAMUR Recomendação NE 21;

Emissão: até valor limite para indústria EN 55011

Condições de operação: Processo
  • Temperatura do fludo

0 a +60 °C

  • Condutividade mín.
≥ 50 μS/cm
  • Pressão de processo
PN16
  • Resistência à pressão
Tubo de medição: 0 mbar abs com uma temperatura do fluído < 60 °C
Material
  • Discos de aterramento
Aço inox 1.4301/304
  • Caixa do sensor
Alumínio fundido com revestimento em pó
  • Tubo de medição
Poliamida, O-rings: EPDM
  • Eletrodos
Aço inox 1.4435/316L
  • Elétrodos instalados
Dois eletrodos
Kit de montagem
  • Incluído
 
  • Consiste em parafusos de fixação, selagens, porcas e anilhas
Interface
  • Elementos do display

Liquid crystal display(LCD): não iluminado,

duas linhas, 16 caractéres por linha;

  • Display

Display (módo de operação) pré-configurado:

Caudal volumétrico e estado do totalizador

  • Elementos de operação
Operação local através de 3 teclas
  • Operação remota
Operação via protocolo HART® e software FieldCare
Aprovações
  • Aprovação para água potável NSF 61

Dimensões em mm

 

Instalação de acordo com o manual de instruções

DN L A B C Peso
EN (DIN)/
JIS [mm]
ANSI
[pol.]
[mm
(pol.)]
[mm
(pol.)]
[mm
(pol.)]
[mm
(pol.)]
[kg (lbs)]
25 1" 55
(2.17)
283
(11.1)
240
(9.45)
43
(1.69)
2.9
(6.4)
50 2" 83
(3.27)
324
(12.8)
262
(10.3)
62
(2.44)
4.3
(9.5)

Ligação elétrica

Ligando o transmissor, seção transversal do cabo máx. 2.5 mm²


a    Tampa do compartimento da eletrônica

b    Cabo de alimentação

c    Terminal de ligação terra

d    Conector terminal para cabo de alimentação

e    Cabo de sinal

f    Terminal de ligação ao terra do cabo de sinal

g    Conector terminal para cabo de sinal

h    Conector de Service

i     Terminal de ligação ao terra para equalização de potential


Nº do terminal:

  • 24 (+)/25 (-) = saída de ipulsos/estado
  • 26 (+)/27 (-) = HART® saída de corrente

Valores funcionais ver "Sinal de saída"

  • 1 (L1/L+)/2 (N/L–) = Alimentação eléctrica

Valores funcionais ver "Tensão de alimentação" 

Erro máximo de medição

 

Flutuações na tensão de alimentação não têm qualquer efeito dentro do range especificada. Erro máx. em % do valor lido.

Valores característicos de vazão

Diâmetro Vazão recomendada Parâmetros de fábrica
[mm] [polegadas]     Valor mín./máx. de fim de escala (v ~ 0.3 or 10 m/s) Corrente de saída do valor fim de escala

(v ~ 2.5 m/s)

Valor

do pulso

(~ 2 Impulsos/s)

Corte de vazão baixa(v ~ 0.04 m/s)

25 1” 9 to 300 dm³/min
(2.5 to 80 gal/min)
75 dm³/min
(18 gal/min)
0.50 dm³
(0.20 gal)
1 dm³/min
(0.25 gal/min)
           
50 2” 35 to 1100 dm³/min
(10 to 300 gal/min)
300 dm³/min
(75 gal/min)
2.50 dm³
(0.50 gal)
5 dm³/min
(1.25 gal/min)